Informações: Divisão de Comunicação Social

Gil Diniz

Biografia

Gil Diniz, também conhecido como "Carteiro Reaça", nasceu em Pernambuco, é casado e pai de dois filhos. Ainda criança, migrou para São Paulo com seus pais e cresceu na periferia da zona leste da capital, enfrentando, ao longo de sua vida, a realidade de todos aqueles que vivem não apenas na periferia física da cidade, mas também fora dos valores e ideias da elite urbana, refletidos como o "padrão" na mídia e cultura. Através dessa vivência, Gil percebeu que sua cultura e aquela da periferia baseiam-se em valores conservadores, essencialmente expressos na sua fé católica.

Em setembro de 2014, conheceu o então candidato a Deputado Federal por São Paulo, Eduardo Bolsonaro, e seu irmão, Carlos Bolsonaro, e logo começou uma amizade com a família, principalmente por ser um admirador e apoiador de Jair Messias Bolsonaro, atual presidente do Brasil. A convite do Deputado Federal Eduardo Bolsonaro (agora eleito), Gil Diniz passou a ser seu assessor, engajando-se ainda mais nas pautas conservadoras e no combate ao marxismo cultural.

Antes de tornar-se assessor parlamentar e ainda adolescente, Gil Diniz concluiu o Curso de Aprendizagem Industrial no Senai “Morvan Dias de Figueiredo”, na Mooca, especializando-se posteriormente em "Manutenção de Máquinas Industriais” no Senai “Frederico Jacob, no Tatuapé. Cursou História na Uniesp e atualmente cursa Políticas Públicas na Uninter.

Trabalhou na Polícia Militar do Estado de São Paulo como Soldado PM Temporário e nos Correios como Carteiro, atuando na região leste da cidade de São Paulo.

Atualmente Gil Diniz ocupa uma cadeira na Alesp (Assembleia Legislativa de São Paulo). Foi eleito com 214.037 para exercer o cargo de Deputado Estadual, e além de representar seus eleitores, representa o governo Bolsonaro na Assembleia Legislativa de São Paulo, defendendo pautas conservadoras, combate a corrupção e a liberdade.

Duas vitórias conservadoras devem ser destacadas em seu mandato, a primeira é o projeto de lei que reconhece atividade religiosa como essencial. Gil Diniz conseguiu derrubar o veto do Governador João Dória, que fechou todas as igrejas em 2020, algo raro na história da Alesp; A segunda vitória a destacar é o dia do nascituro — 8 de outubro. Gil Diniz conseguiu colocar a data no calendário oficial do Estado de São Paulo. Tal façanha vem diretamente na contramão a toda agenda abortista promovida pelos movimentos feministas e pela esquerda.

- Gil Diniz foi líder da bancada do PSL 2019 - 2020;

- Presidente da Frente Parlamentar Católica;

- Presidente da Frente Parlamentar em Defesa da Vida;

- Presidente da Frente Parlamentar do Proerd;

- Foi membro titular das Comissões de Finanças e Orçamento; Comissão de Segurança Pública e Comissão de Direitos Humanos.

Informações: Divisão de Comunicação Social