HUSF retoma convênio com Iamspe para atender Região Bragantina

O Hospital Universitário São Francisco (HUSF), de Bragança Paulista, irá restabelecer o atendimento aos profissionais conveniados com o Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual (Iamspe), cancelado há quatro meses. A decisão atende a exigência do 2º secretário do Poder Legislativo, deputado Edmir Chedid (DEM).
18/05/2016 14:05

Compartilhar:

Decisão ocorreu durante reunião na sede do Iamspe, em São Paulo<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/R-05-2016/fg189500.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a>

 


O restabelecimento também contempla pedido de vereadores e representantes do Iamspe na Região Bragantina, que demonstraram a importância do convênio aos servidores estaduais. A fim de garantir o atendimento em baixa e média complexidade médica, o Instituto elevou o repasse mensal de recursos financeiros ao HUSF de R$ 150 mil a R$ 200 mil.

"Com esta decisão, o HUSF deverá restabelecer, por exemplo, as cirurgias eletivas. Os casos mais complexos serão encaminhados ao Hospital do Servidor Público, em São Paulo. A elevação desse repasse se deve, em parte, a uma devolução de R$ 50 milhões da Assembleia Legislativa ao governo do Estado", comentou o parlamentar.

O valor do repasse será mantido nos próximos seis meses. Na sequência, será realizada uma avaliação técnica entre as instituições com a finalidade de se manter ou ampliar o benefício, que trará melhorias a 11 mil usuários do Instituto só de Bragança Paulista. "Tivemos problemas, mas que será normalizado devido ao trabalho do deputado Edmir Chedid", afirmou o superintendente do Iamspe, Latif Abrão Junior.

Voltar