Deputado cobra ampliação do efetivo da Polícia Militar em Sorocaba

As matérias da seção Atividade Parlamentar são de inteira responsabilidade dos parlamentares e de suas assessorias de imprensa. São devidamente assinadas e não refletem, necessariamente, a opinião institucional da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo.
27/04/2022 13:04 | Atividade Parlamentar | Da assessoria do deputado Carlos Cezar

Compartilhar:

Carlos Cezar cobra ampliação do efetivo da Polícia Militar em Sorocaba 
   
 <a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/N-04-2022/fg285840.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a>

O deputado Carlos Cezar protocolou um requerimento à Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP) com questionamentos referentes à atuação da Polícia Militar (PM) em Sorocaba. O parlamentar, autor de emenda que garantiu a compra de equipamentos ao Comando de Policiamento do Interior Sete (CPI-7) e um dos articuladores da implantação do 14º Batalhão de Ações Especiais de Polícia (BAEP), pergunta sobre o planejamento e cobra providências para ampliação do efetivo da corporação na cidade, cuja proporção de policiais por habitantes se encontra abaixo da média dos municípios paulistas.

Carlos Cezar questiona qual é o efetivo da PM atualmente lotado em Sorocaba e se houve baixas em relação a 2018. Segundo dados divulgados pela SSP, à época, a cidade contava com 768 policiais militares, incluindo servidores afastados ou no exercício de serviços administrativos, em contraponto à capacidade do Batalhão local abrigar 861 PMs naquele período.

Caso o déficit se confirme, o deputado questiona se há programação no curto prazo para se aumentar o número de policiais militares para atuarem no policiamento ostensivo em Sorocaba, inclusive, com uma maior proporção da média de efetivo por habitantes. Conforme o levantamento da SSP de 2018, Sorocaba contava com um policial militar a cada 873 cidadãos, enquanto a média estadual era de um PM para cada 400 habitantes.

Carlos Cezar destaca que, ao longo dos mandatos, encaminhou diversos pedidos relativos à segurança pública, entre os quais, uma emenda parlamentar de R$ 300 mil para compra de equipamentos ao CPI-7 e a articulação para implantação do 14º BAEP em Sorocaba e de uma nova Companhia da PM em Votorantim; mas, reivindica investimentos mais efetivos do Governo do Estado para o setor na Região Metropolitana. "Enquanto deputado, continuarei fazendo o que estiver ao meu alcance para trazer recursos à Polícia Militar e cobrar ações mais concretas do Poder Executivo. Melhores resultados só virão com uma melhor estrutura à nossa Região Metropolitana, o que só será possível com a abertura de novos concursos públicos e a uma valorização real da carreira policial", ressalta.