Frente Parlamentar para Desoneração Tributária dos Medicamentos

Os deputados Hélio Nishimoto (PSDB), Ed Thomas (PSB), Welson Gasparini (PSDB) e Rafael Silva (PDT), falam sobre a importância da Frente para a população mais carente, bem como para os idosos que são os que mais sofrem com o endividamento causado pelo alto custo dos medicamentos.
06/06/2013 19:33

Compartilhar:

 


Foi lançada nesta quarta-feira, 5/6, na Assembleia Legislativa, a Frente Parlamentar para Desoneração Tributária dos Medicamentos, coordenada pela deputada Maria Lúcia Amary (PSDB). O deputado Hélio Nishimoto (PSDB), vice-coordenador da frente, enfatizou a importância da luta pela redução da tributação sobre medicamentos por ser essencial à saúde como um todo. "Nos engajamos nesse movimento por acreditarmos ser essencial para a população mais carente", declarou. Maria Lúcia Amary ressaltou que a desoneração dos tributos sobre medicamentos é extremamente necessária para garantir o acesso real da população à saúde, na medida em que leva à melhora na prevenção de doenças e na diminuição dos gastos com internações. O deputado federal Valter Ioshi (PSD-SP), presente no evento, coordena no Congresso Nacional a mesma frente. Ioshi contou que, no Paraná, o governador reduziu a carga tributária da medicação de 18% para 12%, aumentando a arrecadação, na medida em que o consumidor comprou mais.

Voltar