Estado de São Paulo Transparência ALESP
19/05/2017 16:39

Jogos: parabéns, Polícia Militar!

Coronel Camilo


Terminou mais um campeonato paulista. E por mais que não chegue ao conhecimento de todos, a Polícia Militar teve papel preponderante também neste período. Sim, não podemos deixar de parabenizar a nossa Corporação, que zelou pela segurança em mais de uma centena de partidas na competição. Com organização e limites, as atrações acabam de forma tranquila e todos conseguem ter o direito ao entretenimento preservado.

A tropa marcou presença em todos esses jogos e esteve atenta à segurança de torcedores, jogadores, comissão de arbitragem, jornalistas, comerciantes e muitos outros profissionais envolvidos nestes eventos, além, claro, da população no entorno desses estádios. Todos precisam da polícia. Desta forma, insisto na valorização destes homens e mulheres que fazem acontecer na vida do cidadão paulista.

Onde houve disputa de qualquer partida, na Capital ou no Interior do Estado, de manhã, à tarde ou à noite; em dias de semana ou nos fins de semana; seja das séries A1, A2 ou A3 (antigas primeira, segunda e terceira divisão, respectivamente); a Polícia Militar esteve de prontidão, trabalhando com muita ética e profissionalismo. O futebol é uma paixão para a maioria dos brasileiros. A tristeza de uma derrota ou a alegria de uma vitória pode ser extravasada de forma exagerada, violenta.

Responsável pelo policiamento preventivo, a PM está sempre alerta. Tive a honra de ser comandante geral da Corporação por três anos (2009 a 2012) e estive à frente de grandes eventos, como shows internacionais, grandes prêmios da Fórmula 1 e inúmeras competições esportivas. Impossível não imaginar o alívio e a alegria do atual comandante pelo término de mais uma importante missão de forma tão exitosa.

A nossa função como parlamentar oriundo da Corporação, no entanto, também é a de destacar e parabenizar cada um desses valorosos homens, do soldado ao coronel, que atuaram de forma tão competente e abnegada, contribuindo para a realização desses eventos que são tão importantes para a sociedade. Em alguns eventos, como nos arredores de Perdizes e Pacaembu e até mesmo na zona leste, a Cavalaria é um dos destaques.

A presença do homem com o cavalo impõe respeito durante os distúrbios civis. Além de dar uma visão privilegiada ao policial. Os cavalos também são um forte atrativo para crianças, gerando uma grande simpatia da população. Nas próprias partidas de futebol em grandes estádios, os cavalos chegam, atraem crianças e dezenas de famílias que querem ter contato com o animal e também uma aproximação com os policiais. Isso expressa o verdadeiro sentido de filosofia comunitária! Quem admira a segurança, torce pela Polícia Militar.

*Coronel Camilo é deputado pelo PSD