Estado de São Paulo Transparência ALESP

Cezinha de Madureira

Antonio Cezar Correia Freire, o Cezinha de Madureira é vice-líder do Governo na Alesp, vice-líder do DEM e Presidente da Comissão de Saúde. Cezinha também é membro efetivo da Comissão de Atividades Econômicas. Atua como suplente nas Comissões de Transportes e Comunicação, Finanças, Orçamento e Planejamento, Segurança Pública e Assuntos Penitenciários e da Educação e Cultura. Em 2015 foi membro da CPI das Telecomunicações. 

Apresentador do Plantão da Vida na Band e Rede TV, com o Bispo Samuel Ferreira e Apresentador do Programa Palavra de Vida, na Rádio Musical FM, também com o Bispo Samuel Ferreira.

Natural de Ipiaú, na Bahia, onde nasceu em 1973, Cezinha de Madureira, foi criado pelos avós maternos Albertina Freire e João Carvalho. Desde criança sonhava em ser radialista e aos 14 anos começou a trabalhar na Associação Comunitária de Comunicação e Cultura de Ubaitaba, rádio histórica na cidade. Determinado desde a infância, aos 12 anos conheceu a Cristo e passou a professar a religião evangélica, na igreja Assembleia de Deus. 

Em 1991, mudou-se para São Paulo e trabalhou em diversas rádios comunitárias. Em 2001, uniu-se ao Movimento para Legalização das Rádios Comunitárias, motivado pela ideia de democratizar e descriminalizar as rádios, que cumpriam um importante papel social. 

Em 1995, casou-se com a pedagoga Elis Freire, com quem tem um filho: Allan. Em 2012, foi ordenado pastor da Assembleia de Deus Ministério Madureira, AD Brás, em São Paulo. 

Sempre em submissão ao seu líder, Bispo Samuel Ferreira, com quem começou a trabalhar em 2006, realizou suas atividades com dedicação. Conheceu as Américas, a Europa e o Oriente Médio, sempre acompanhando seu líder, de quem tornou-se filho por adoção. Também conheceu o Brasil inteiro, principalmente o Estado de São Paulo, região por região. 

Recebendo 105.521 votos nas eleições de 2014, Cezinha de Madureira tornou-se deputado estadual pelo Democratas (DEM), representando as Assembleias de Deus do Brás, como também de todo o Ministério de Madureira em São Paulo, e principalmente os menos favorecidos.